DEZ ANOS DEPOIS

DEZ ANOS DEPOIS

O post de hoje é uma celebração do amor. Dez anos depois aqui estamos os dois como se fosse o primeiro dia, a única diferença é que estamos mais velhos e não podemos viver um sem o outro. Sim preparem-se porque este texto vai ficar um pouco lamechas. Mas não quero saber: porque quanto mais lamechas melhor não acham?

Todos temos um lado mais romântico e está na altura de o pôr a falar.  

O dia 27 de Março é um dia muito especial para mim e ainda mais este ano que marcamos: dez anos de namoro. A pergunta que nos fazem é sempre a mesma: a sério? Dez anos? Como conseguem?  Tenho-vos a dizer que a resposta é esta: muito amor e partilha.

Ao longo destes anos tentámos sempre partilhar o máximo um com o outro. Seja algo bom ou mau. Os momentos felizes marcam mas quando alguma coisa menos boa acontece estamos sempre à espera de alguém do nosso lado que nos ouça durante horas sem nos interromper. E podemos estar sempre a falar da mesma coisa e independentemente do que seja estará sempre lá. Ele é assim: um coração de ouro.

Foi na escola, ainda miúdos e sem saber bem o que estávamos a sentir que tudo começou. Entre a troca de papéis na sala de aula até às mensagens ao final do dia…começou do inesperado e das horas de ansiedade antes de o ver. Eram muitas as borboletas, ao ponto de soar das mãos e de não me saber comportar quando estávamos juntos. Agora ao pensar nisso são muitas as gargalhadas. Não sabíamos o que nos esperava.

Este post é um agradecimento por todos estes anos ao teu lado. É um obrigada pelas gargalhadas e aventuras, por todos os choros e soluços. Por tudo aquilo que somos hoje e no que nos vamos tornar. 

Nem em mil anos poderia imaginar que alguém me pudesse fazer sentir tão especial. E o mais importante: sermos nós

É este nós que quero levar para a vida toda.

Raquel.

ps: antes de colocar o post público estou a escrever uma última nota de agradecimento à nossa Inês pelas fotografias. Por conseguires captar todos estes momentos e pelo à vontade que nos proporcionas-te. Obrigada amiga. 



4 thoughts on “DEZ ANOS DEPOIS”

  • Também este post merece um comentário! Mesmo após terminar a leitura deste texto tão puro e emocionante (típico da Raquel Pereira) apetece-me fazer scroll vezes sem conta, para cima e para baixo, somente para ver as lindas fotografias que espelham felicidade nos vossos rostos 🙂 Sou uma das testemunhas do teu grande sentimento pelo Daniel e vice-versa 🙂 Os maiores parabéns por estes dez anos de cumplicidade, alegria, amor, crescimento , dedicação e união 🙂 O mais importante está escrito no final : O que importa é sermos nós e a pessoa que está ao nosso lado fazer-nos sentir alguém especial nesta vida!
    Um dia alguém muito importante me disse : ” A União faz a força” e não é por acaso, e com isto já deitei uma lágrima! Estas palavras não são ditas do nada, e acredito que vocês são um exemplo a seguir de quem se ama muito 🙂
    um beijo grande aos dois *

  • Outro comentário só para dizer que me esqueci de referir que a fotografa , neste caso, (Inês Duarte) teve o maior gosto e delicadeza nestas fotos! Para além da enorme qualidade, focou o mais importante (o amor visível nos rostos) . São fotos, sem dúvida, magníficas! 🙂 Parabéns pelo talento amiga <3

  • Para diEr simplesmente que… Amei!!!
    Muitos Parabéns pelo belíssimo texto, e pelas deliciosas fotos que não precisam falar… sentem-se!!!
    Um beijinho muito grande e continuem!!! 😘👌

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *